Construindo o Futuro com Educação e Tecnologia

;

FAT na Fórmula Drone 2018


Etec Sylvio de Mattos Carvalho é patrocinada pela Fundação de Apoio à Tecnologia na Fórmula Drone 2018

Evento envolveu 39 equipes de todo o país para o cumprimento de provas com aeronaves de asas rotativas do tipo drone

Realizada todos os anos pela empresa SAE Brasil, a Fórmula Drone é uma competição de caráter educacional, focada em estudantes e professores do ensino profissional técnico de nível médio para a realização de diversas tarefas com o uso de drones. As provas têm por objeto despertar o interesse técnico e a capacidade dos alunos na resolução de problemas em uma aeronave de asas rotativas rádio controlada, dotada de sistemas orientados para o cumprimento de determinadas tarefas que constituem o desafio técnico da competição, segundo requisitos detalhados em um regulamento.

Considerando o caráter educacional e o crescimento proporcionado pela participação na competição, os alunos da Etec Sylvio de Mattos Carvalho, da cidade de Matão (SP), receberam o apoio da Fundação de Apoio à Tecnologia (FAT) para a aquisição de peças e ferramentas, além do deslocamento até o local da competição, em Itajubá, no Estado de Minas Gerais.

Depois de muitas reuniões para organização da equipe, aquisição do equipamento, montagem e programação, confecção de relatórios e produção de vídeo explicando a montagem do equipamento, quatro dos oito alunos do Ensino Médio Integrado ao Médio em Mecatrônica participantes do projeto e um professor orientador viajaram na manhã de quinta-feira (6) para a primeira disputa pela Fórmula Drone, buscando aprendizados e novas experiências, o que acabou dando muito certo.

A viagem do professor Alexandre Pompeo e dos alunos Ângelo Gabriel Pimenta, Brendha da Silva Borges, Eric Richard Chrystovam e Lucas Zanardi da Silva até o município da disputa levou mais de seis horas e, depois do credenciamento, os competidores matonenses ficaram em alojamento reservado para a acomodação durante os três dias do evento.

Na sexta-feira (7), foram realizadas apresentações relacionadas ao processo de construção do drone, com soluções e problemas encontrados pelos alunos e, logo em seguida, começaram os voos de checagem e ajustes dos drones visando à competição, que aconteceu oficialmente no sábado (8), com a participação de equipes de todo o país, incluindo institutos de tecnologia de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás, Distrito Federal, Bahia e Santa Catarina. As provas consistiram na passagem por estruturas metálicas (frames) como hexágono, quadrado e triângulo, bem como tele entrega (descarregamento de uma caixa de ovos contendo bolas de golfe em local especificado), alijamento de objeto sobre um alvo em solo e ainda medição de área de figuras geométricas dispostas no campo de voo.

Mesmo diante de tantas equipes de ponta, com experiência prévia na competição, os alunos de Matão galgaram boa colocação e, até o final das últimas janelas de voo, estavam na 12ª colocação. Contudo, os resultados finais só devem sair no prazo de 10 dias. Para a capitã da equipe, Brendha da Silva Borges, a competição foi uma grande oportunidade de aprendizado, que abriu novos horizontes nas tecnologias de dispositivos autônomos. “Nós aprendemos muito, tivemos contato com alunos de outras instituições e sempre com um espírito de cooperação. Ao mesmo tempo que ajudamos, fomos muito ajudados e tudo isso conta para que o evento seja bem-sucedido. A troca de experiências nos permitiu acesso a um conhecimento bastante singular, motivo pelo qual agradecemos todos os nossos patrocinadores, nos quais a FAT está incluída com uma importante colaboração”, define.

Fundada em 1987 com o propósito de incentivar a pesquisa aplicada, a inovação, o desenvolvimento tecnológico e profissional e a educação em todo o território nacional, a Fundação de Apoio à Tecnologia (FAT) parabeniza a participação de todas as escolas na competição Fórmula Drone e reforça, com o apoio à equipe matonense, seu papel junto à comunidade para o desenvolvimento da educação no Estado de São Paulo e no país.